quinta-feira, 14 de abril de 2011

UM CLICK INESQUECÍVEL - RELEMBRANDO O CARNAVAL DE 1995


São Clemente no enredo O Que é, o Que é, Que Não é, Mas Será?
Carnavalesco Luiz Fernando Reis, 17º lugar
 
Caprichosos de Pilares no enredo Da Terra Brotei, Negro Sou e Ouro Virei
Carnavalesco Mauro Quintaes, 10 lugar

Estácio de Sá, no enredo Uma Vez Flamengo...
Carnavalesco Mário Borriello, 7º lugar

Mocidade Independente de Padre Miguel, no enredo Padre Miguel, Olhai Por Nós!
Carnavalesco Renato Lage, 4º lugar
Portela, no enredo Gosto Que Me Enrosco
Carnavalesco José Félix, 2º lugar

Beija Flor de Nilópolis no enredo Bidu Sayão e o Canto de Cristal
Carnavalesco Milton Cunha

Salgueiro, no enredo O Caso Do Por Acaso
Carnavalesco Roberto Szaniecki, 5º lugar


Tradição, no enredo Gira Roda, Roda Gira
Carnavalesca Lícia Lacerda, 13º lugar

União da Ilha do Governador, no enredo Todo Dia é Dia de Índio
Carnavalesco Chico Spinoza, 11º lugar

Unidos da Ponte, no enredo Paraná, Esse Estado Leva a Sério o Meu Brasil
Carnavalesco Washington Luís, 14º lugar

Vila Rica, no enredo Deu Pano Pra Manga
Carnavalesco Silvio Cunha, 18º lugar

Unidos de Vila Isabel, no enredo Cara ou Coroa, as Duas Faces da Moeda
Carnavalesco Max Lopes, 9º lugar
Unidos da Tijuca, no enredo Os Nove Bravos do Guarani
Carnavalesco Oswaldo Jardim
Grande Rio, no enredo Estória Para Ninar Um Povo Patriota
Carnavalesco Lucas Pinto, 16º lugar
Imperatriz Leopoldinense, no enredo Mais Vale Um Jegue Que Me Carregue, Que Um Camelo Que Me Derrube... Lá no Ceará
Carnavalesca Rosa Magalhães, Campeã
Estação Primeira de Mangueira, no enredo A Esmeralda do Atlântico
Carnavalesco Ilvamar Magalhães, 6º lugar
Império Serrano, no enredo O Tempo Não Pára
Carnavalesca Lílian Rabello, 15º lugar

Viradouro, no enredo O Rei e os Três Espantos de Debret
Carnavalesco Joãosinho Trinta, 8º lugar




Um comentário:

  1. O ano em que a Portela ganhou, mas não levou.

    ResponderExcluir